Pensamento Divergente e o Funil da Inovação


A IDEO encontrou Brendan Boyle, fundador do IDEO Toy Lab, para conversar sobre pensamento divergente e o processo de passar da ideação para inovações reais no mercado. Aqui estão alguns dos highlights sobre a conversa:

Passe mais tempo Divergindo

Quando idear, opte por quantidade ao invés de qualidade. Produza quantas ideias conseguir no menor espaço de tempo possível. Enumere as ideias para que não sejam associadas a uma pessoa e tente conseguir de 25 a 50 ideias. É preciso muito brainstorm para conseguir ideias brilhantes e você precisa estar confortável com o fato de um monte delas não servir.

Nós também pedimos ideias como títulos; não queremos nos aprofundar, senão vira uma reunião.

Uma das regras mais importantes é não julgar as ideias. Frequentemente, as ideias brilhantes parecem ridículas. Pagar para ficar na casa de outra pessoa e ter um estranho para te dar carona são bons exemplos de ideias que parecem ridículas - mas Uber e Airbnb se tornaram companhias de muito sucesso.

Prototipe suas Ideias

Pegue as ideias, até as mais loucas, e as prototipe. Faça algo tangível e vá atrás de feedback. O quão rápido você consegue pegar essas ideias e colocá-las em prática? Faça os primeiros protótipos com rapidez e baixa qualidade. Nós usamos protótipos de baixa fidelidade, mas brainstorming de alta fidelidade.

Prototipar é apenas outra maneira de continuar aprendendo. Tenha o mindset de testar para aprender, não testar para validar. É aí que a maioria das pessoas se atrapalha; eles tentam aperfeiçoar a ideia ao invés de usar um protótipo de baixa fidelidade para aprender com os usuários. Protótipos parecem intimidantes, mas podemos te ajudar a ganhar confiança através do From Ideas to Action.

Compartilhe suas Ideias

Compartilhe suas ideias com a maior quantidade de pessoas que conseguir. Uma vez que começa a compartilhar, você receberá feedback. Se você se apegar a uma ideia, ela não será acionável. Ouça o que as outras pessoas têm a dizer e torne-as "co-colaboradores".


Um resumo dos capítulos do Webinar sobre Pensamento Divergente:

  • O funil da inovação: Crie um processo repetível que você possa usar cada vez que tentar resolver um novo problema. Começar com várias ideias é a chave.

  • Diversidade de ideias: Gaste mais tempo em pensamento divergente e use uma variedade de métodos de ideação.

  • Sessão de Brainstorm: Opte por quantidade ao invés de qualidade, lembre-se que ideias brilhantes podem parecer ridículas, dê tempo para divergir.

  • Desafio Brainstorm Brick Manufacturer: Crie quantas ideias conseguir (10 ou mais) para usos criativos de tijolos.

  • Fluência + Flexibilidade: Gere um grande número de ideias variadas.

  • Brainstorm Warm Up: Faça o aquecimento com um tópico específico e divertido de fora da sua área para que as pessoas entrem no mindset criativo.

  • Convergir: Avance da ideação ao agrupamento de ideias por temas e faça votação das melhores ideias.

  • Prototipe sua ideia: Faça algo tangível e obtenha feedback.

  • Desafio Moon Village: Como devemos projetar atividades que ajudem cientistas a se descontraírem nos primeiros 30 dias trabalhando juntos?

  • Formação Única de Times: Faça brainstorm sobre formas com as quais os membros da sua equipe podem se conhecer melhor.

  • Visão geral do caminho: Lição 1: Ideação - técnicas para idear, divergir e como convergir. Lição 2: Prototipagem rápida - tangibilize rápido. Lição 3: Iteração - teste e caminhe para a implementação.

  • Falhe graciosamente: Fale sobre fracassos como aprendizados e não tente esconder as falhas passadas.

  • Critério para convergir: Considere limitações do mercado, equilibre casos de fácil aproveitamento com produtos que você sabe que seus usuários vão amar.

  • Preparação para brainstorming: Seja intencional sobre quem você convida pra fazer brainstorm, crie listas para colocar todos no modo ideação.

  • Gerencie expectativas de ideação: Prepare uma cultura de ideias que pertencem a todos da equipe, divirta-se com a ideação e dê ideias como títulos para que a sessão de ideação não se torne uma reunião.

  • Ferramentas de prototipagem: Comece com ferramentas de baixa resolução: papel, cartolina, papel alumínio, desenhos, documentos em Word, etc.

  • Prototipe um serviço: Experimente prototipar ativamente ao invés de usar um grupo de foco.

  • Compartilhe sua ideia: Compartilhe sua ideia com quantas pessoas conseguir. Comece obtendo feedback de pessoas que você conhece.

  • Inovando em organizações tradicionais: Comece com pequenos experimentos e encontre um ritmo.

[Traduzido e adaptado de IDEO]


29 visualizações